Vida com História

Uma noite com as estrelas

Natureza

Comentários (0) / 25 de janeiro de 2022

Algumas experiências entram na memória e fazem a gente dissertar sobre elas, como se estivessem acontecendo, agora. Que poder maravilhoso tem a natureza. Nesse texto um pequeno relato sobre uma noite observando as estrelas.

O céu guia o pensamento com um magnífico desfile de estrelas. Coqueiros testemunham o espetáculo que polvilha a escuridão de brilho. Entre as nuvens, o vai e vem de satélites e, quem sabe, naves espaciais. Nenhum vento, só o burburinho das ondas que quase alcançam os pés e quebram a monotonia sonora de uma noite de verão; um convite irrecusável para navegar na via láctea.

Que maravilhosa experiência, simplesmente, deitar o corpo e a mente no chão e observar o arranjo que reestreia todas as noites. No primeiro momento dá até uma certa timidez, diante da imensidão que se apresenta. Talvez fosse melhor dizer uma certa “pequenez” ao tomar consciência das infinitas possibilidades de anos luz de distância.

No pisca-pisca estelar, reconheço algumas constelações e um enxame de pontos de luz que sabe lá Deus de onde vem e o que procuram. O  mais trabalhoso é escolher o pedido para cada estrela cadente. E nesse lugar elas não fazem cerimônia. 

O escuro das coisas, que a ciência não cansa de pesquisar, estende um espaço nobre.  A lua crescente apresenta seu contorno como quem sabe do magnetismo que exerce. O único compromisso é se deixar hipnotizar por tamanha beleza.

Compartilhe essa história com quem você gosta...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *