Vida com História

Receita Médica

Natureza Sem categoria

Comentários (0) / 22 de dezembro de 2013

Depois de 20 dias em uma rotina de alongamentos, retornei ao ortopedista. Na primeira consulta ele receitou: pise leve, pesado envelhece; cuide da postura; mantenha a força no abdômen; encontre algo positivo nas estradas difíceis; preste atenção em você. Por último prescreveu a sequência de exercícios para o pé. Uma amiga recomendou o médico e me disse para não assustar com a forma rígida e direta do tratamento dele com os pacientes. Com certeza ela se enganou ou eu errei de consultório. Longe de uma consulta ortopédica todas as suas recomendações surpreenderam. Segui as dicas e voltei ao consultório com a sensação da aluna que vai tirar um dez na lição de casa. O médico me recebe. Examina meu pé. Mais uma vez a atitude dele parecia o avesso das impressões da minha amiga. “Você conhece arte terapia?” pergunta. “Escolha uma planta, um matinho, uma árvore e desenhe o que você vê, sem olhar para o papel. A natureza cresce para cima e o cérebro copia automaticamente esse movimento. O exercício ajuda a manter a postura ereta, oferece bons resultados para problemas de auto confiança, depressão e, entre outros, põe a gente em equilíbrio”. O pé ganha alta. Eu ganho a receita para prevenir novos tropeções.


Compartilhe essa história com quem você gosta...
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter
Email this to someone
email
Share on LinkedIn
Linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *